Benchmark Manufatura: compare o desempenho de seus produtos com os concorrentes

Você sabe qual a posição do seu produto em relação aos concorrentes? Ter uma visão de como está a performance em comparação com o mercado é essencial para a indústria, permitindo ações rápidas, como correção na estratégia, por exemplo. E é justamente essa a função do Benchmark Manufatura da Neogrid.

A solução oferece à indústria a visibilidade da performance de seus produtos em relação ao mercado. Para isso, a ferramenta apresenta cinco filtros: varejo, região, canal, bandeira e categorias.

Trata-se de um recurso essencial para a gestão industrial, dando uma visão mais realista e atualizada do mercado, o que contribui para que a manufatura aumente suas vendas, otimize suas estratégias de distribuição e seja capaz de atender às demandas do consumidor.

Continue a leitura e descubra como essa solução da Neogrid pode ajudar sua empresa a comparar o desempenho de seus produtos no varejo!

Benchmark Manufatura: conheça melhor essa ferramenta

Com essa solução, a indústria passa a ter base para se posicionar melhor no mercado. Vamos usar como exemplo uma indústria de refrigerantes que quer revisar sua distribuição, analisando os pontos para os quais envia seus produtos. Ela pode até fazer isso com base em análises internas de posicionamento, elencando os pontos em que faz mais sentido direcionar as atenções, junto com uma pesquisa de mercado. Mas, dessa forma, a empresa estará sempre andando no escuro, pois não tem informações concretas.

Agora, imagine que essa indústria tem uma ferramenta de benchmark capaz de medir em tempo real as vendas de seus produtos nos varejos e colocá-las ao lado dos resultados dos concorrentes. Assim, os gestores dessa empresa podem identificar, por exemplo, pontos em que os concorrentes não conseguem atuar com força e que, portanto, representam oportunidades.

Além disso, também seria possível verificar regiões em que as vendas estão muito abaixo dos concorrentes. Assim, é necessário tentar entender o motivo, que pode ser aceitação ou perfil do público, por exemplo. Com essas informações, a definição da estratégia fica mais assertiva.

Análises que o Benchmark oferece

Essa comparação é importante para o setor de manufatura, uma vez que ajuda os gestores a entenderem melhor diversas situações, como:

  • os maiores e menores obstáculos para as vendas;
  • as restrições de mercado em relação ao desempenho das categorias;
  • o nível de atividade dos produtos;
  • os produtos que mais afetam os resultados;
  • as comparações, em percentual, entre o giro de estoque, ruptura, quantidade de SKUs e OSA.

Confira os elementos que compõe a ferramenta

Para conhecer melhor a solução da Neogrid, é interessante conhecer um pouco mais os elementos que compõem o dashboard. Para isso, preparamos um breve resumo sobre eles. Confira!

Nível de atividade dos produtos

Um elemento importante presente no Benchmark Manufatura é o nível de atividade. Ele é o responsável por classificar o seu produto em quatro níveis, a depender de como está o seu giro:

  • fast movers — itens com mais vendas;
  • slow movers — produtos com movimentação menor;
  • ultra slow movers — vendas baixas;
  • no mover —  não houve movimento de vendas.

Esse tipo de visualização permite que o gestor analise e verifique se o estoque possui a quantidade certa de produtos, planejando melhor sua produção. Naturalmente, isso acaba contribuindo para a redução de desperdícios e melhor aproveitamento do espaço disponível para armazenagem.

Categorias Neogrid

A Neogrid conta com mais de 60 categorias, o que permite à indústria fazer um acompanhamento mais detalhado sobre o desempenho de seus produtos. Em geral, elas são divididas por segmento. Assim, um petshop pode encontrar ração para cachorro, ração para gato e ração para peixes, por exemplo.

Desempenho das categorias em diferentes manufaturas

Nessa tela, o gestor pode observar uma comparação entre os resultados obtidos pela indústria em relação às demais manufaturas atuantes no mercado, levando-se em consideração a mesma atividade e as mesmas categorias.

É possível acompanhar diversos indicadores de desempenho, como:

  • quantidade de SKUs;
  • giro de estoque;
  • % ruptura;
  • % OSA.

Desempenho dos SKUs

Na análise de desempenho dos SKUs, o Benchmark Manufatura realiza uma análise bem aprofundada, comparando os itens que fazem parte de uma determinada categoria existente na indústria.

Com base na hierarquia de porcentagem de participação de valor e quantidade vendida, a tela apresenta os produtos em cada categoria e, também, seu desempenho nos seguintes indicadores:

  • % part.;
  • quantidade vendida (um);
  • valor venda;
  • valor do estoque médio;
  • giro de estoque;
  • ganho;
  • % ganho / estoque médio;
  • % ruptura;
  • % OSA.

Vale a pena destacar que, em relação ao varejo, o empresário consegue comparar onde o seu produto está vendendo melhor. Dessa forma, é possível identificar uma saída mais acentuada em um determinado ponto de venda e fazer uma análise mais minuciosa em busca de insights sobre os motivos que estão contribuindo para que o produto tenha uma boa venda ou não.

Conforme visto, o Benchmark Manufatura é uma ferramenta focada na realização de comparações úteis e importantes para a indústria. As informações fornecidas pela ferramenta contribuem para que a empresa consiga equilibrar sua produção e manter-se competitiva no mercado.

O sucesso da manufatura está cada vez mais ligado à sua habilidade e disposição para analisar dados sobre o consumo no ponto de venda e, sem dúvidas, a comparação do desempenho dos produtos dentro das categorias é uma das maneiras mais rápidas e seguras de se acompanhar e planejar a reposição dos estoques ao varejo.Gostou dessa solução da Neogrid? Entre em contato com nossos atendentes e contrate esse recurso agora mesmo!

Autor
Somos especialistas em sincronizar sua empresa à demanda. Em manter seu produto sempre disponível para o consumidor, na quantidade adequada e na hora certa. Nós somos a Neogrid. Uma empresa de soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management).
Comente este artigo