Como planejar estoques para a Black Friday?

Crescimento no volume de vendas, faturamento de R$ 2,48 bilhões somente no e-commerce e maior exposição da marca. Não faltam atrativos para indústrias, lojas físicas e virtuais aderirem à Black Friday. Mas esse aumento na demanda exige como contrapartida um sério cuidado quando falamos em estoque, principalmente no setor eletro, que precisa ter um nível muito alto de assertividade nesse processo.

Afinal, é o estoque na quantidade certa que vai garantir se as empresas conseguirão atender os consumidores com um bom nível de satisfação, além de evitar perda de dinheiro com vendas que não foram feitas ou com produtos que ficaram encalhados. O impacto desse ponto nos resultados é grande, por isso toda essa atenção.

Para atender as demandas, varejo e indústria costumam trabalhar com duas situações: a ruptura (falta de produtos) no dia da Black Friday e o excesso de estoque, ou seja, o acúmulo de itens que não tiveram tanta saída. E isso é resultado de um desequilíbrio na oferta de itens.

Isso porque, muitas vezes, o empresário é levado a adquirir ou vender um produto motivado por uma intuição. E aí pode acontecer que a quantia não seja suficiente ou que outro item acabou ficando descoberto e sofrendo com a ruptura.

No caso da indústria, o dilema do estoque está na assertividade de suas estratégias junto aos varejos, que deve ser realizada de forma colaborativa. Quanto vender? Em qual produto vale mais investir? Onde distribuir? Essas são perguntas importantes para as manufaturas conseguirem até mesmo direcionar melhor a produção.

Análises de dados de mercado

Para uma data específica como a Black Friday, varejo e indústria devem reunir o máximo de informações possíveis, como histórico de vendas, níveis de estoque, ações dos concorrentes, preços, promoções, informações de fornecedores, pesquisas de mercado entre outras. Ao cruzar esses indicadores é possível chegar a um estoque mais próximo do ideal e ter quantidades suficientes para evitar as faltas de produtos em um momento tão importante.

Pense em um varejo de eletrodomésticos. Os gestores pretendem comprar 2 mil televisores de determinada marca, pois se trata de um lançamento e há uma grande expectativa em torno dele. No entanto, precisam levar em consideração o fato de que o concorrente, por exemplo, está lançando uma promoção ou que o fabricante está limitando a distribuição desse item. Assim, a empresa pode reduzir sua expectativa, pois terá uma forte concorrência e talvez não consiga ter a demanda da forma que espera.

A indústria também pode analisar as informações de vendas de seus produtos e identificar quais podem apresentar uma maior tendência de saída no dia do evento, em determinados pontos de venda. Um item com alto volume de vendas um mês antes pode ser uma boa aposta, pois ele pode melhorar sua performance com uma promoção.

Diante dessa informação, é importante avaliar os estoques de seus produtos nos varejos. Se aquele que apresentou boa tendência estiver com o estoque muito baixo, é o momento de considerar repor e adequar à realidade.

A tecnologia é decisiva na Black Friday

Todas essas análises mencionadas acima podem ser bem mais assertivas, simples e precisas com o apoio da tecnologia. Há soluções tecnológicas que apoiam o trabalho de monitoramento de dados quase em tempo real e que reúnem informação com insights acionáveis para a melhor tomada de decisão das indústrias e dos varejos.

Algumas ferramentas, que possuem algoritmos inteligentes, acompanham as movimentações de estoque e vendas dos produtos nas lojas e realizam o abastecimento e a reposição de estoques de forma automatizada – considerando diversas variáveis. Assim, a indústria consegue ter uma distribuição de estoques de forma ideal neste período, evitando faltas e excessos.

Os varejos que possuem seus próprios centros de distribuição também podem realizar uma melhor distribuição nas cadeias internas. Com informações precisas, é possível direcionar as quantias certas de produtos para cada loja, o que pode fazer muita diferença na hora da Black Friday.

 Está preparado para começar o planejamento da sua empresa para essa importante data? Conheça as soluções que a Neogrid oferece. Podemos ajudar você na conquista dos melhores resultados. Conte com a gente!

Autor
Somos especialistas em sincronizar sua empresa à demanda. Em manter seu produto sempre disponível para o consumidor, na quantidade adequada e na hora certa. Nós somos a Neogrid. Uma empresa de soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management).
Compartilhar
Comente este artigo