Do consumo à reposição, a NeoGrid sincroniza a cadeia de suprimentos de ponta a ponta… mas o que quer dizer isto?

Ao comprar um produto em uma loja, você já se perguntou como ele chegou lá? Ou quando e como será feito o reabastecimento? A compra feita por um consumidor é um dos passos mais importantes de um grande ciclo, afetando toda a cadeia de suprimentos.

Esse ciclo inicia-se com os produtos sendo introduzidos no mercado, ao serem apresentados e ativados nos varejos. Então, os varejos começam a enviar pedidos desses produtos, baseados no consumo, disparando assim a produção na indústria. Esse processo é ainda maior, se considerarmos os produtores de matéria prima, transportadores e outros participantes do ciclo, que também têm produtos, transacionam pedidos e trocam outras informações entre si.

A partir das vendas realizadas pelas indústrias ou pelos distribuidores, são iniciados os processos fiscais, financeiros e logísticos.  O governo precisa validar as informações de notas fiscais, para permitir que a mercadoria seja despachada.  Esta nota, por sua vez, precisa ser disponibilizada e armazenada tanto pelo lado vendedor quanto pelo comprador.  A partir da validação do governo, inicia-se o processo de emissão de cobrança, transporte e entrega da mercadoria.

Um dos maiores desafios que vem logo em seguida para a indústria, é saber o que e quanto produzir e repor, ou seja, os gestores precisam planejar e ter assertividade na produção, mas também nas compras e ações de venda, distribuição e reposição. E para isso, ter visibilidade dos pontos de consumo se torna crucial.  Quem compra o produto no final é o consumidor, e enquanto ele não comprar, ninguém vendeu! Com a demanda em mente e a gestão adequada, é possível ter altos níveis de maturidade e colaboração entre as empresas, chegando até a reposição automatizada de estoques nas lojas. Essas práticas buscam garantir disponibilidade dos produtos, porém sem excessos de estoques.

Enquanto isso, os varejos também precisam comprar e distribuir seus produtos nas melhores condições e se adequando a diferentes necessidades. Neste processo temos cotações com dezenas de fornecedores ao mesmo tempo, envolvendo vários tipos de leilões reversos, sugestões de cenários para melhor decisão de compra e por fim a troca automatizada de mensagens e documentos entre parceiros de negócios.

A NeoGrid sincroniza e suporta todos esses processos e transações, permitindo às empresas:

  • Lançar produtos no varejo,por meio do NeoGrid Datasync;
  • Enviar e receber pedidos e outras informações,por meio do NeoGrid EDI;
  • Emitir, receber, validar e publicar informações fiscais,por meio do NeoGrid NF-e e CT-e;
  • Realizar cobranças, transporte e entrega de mercadorias,por meio do NeoGrid Financeiro e Logístico;
  • Ter visibilidade dos pontos de consumo,por meio do NeoGrid RI/DI ou Radar da Ruptura;
  • Planejar e realizar vendas, operações, distribuição e reposição,por meio do NeoGrid DRP, S&OP e VMI;
  • Realizar cotações, leilões e compras,oferecendo e-Sourcing.

Ao cobrir todo esse ciclo da cadeia de suprimentos, a NeoGrid oferece uma plataforma exclusiva e completa de Supply Chain Management (SCM) que, em um único ponto, conecta milhares de empresas, suportando os processos e as transações da cadeia de suprimentos, desde a fabricação de um produto até o consumo final e sua reposição, trazendo eficiência e valor à de ponta a ponta, na velocidade do consumo.

NeoGrid. A maior rede B2B do Brasil!

Autor

Somos especialistas em sincronizar sua empresa à demanda. Em manter seu produto sempre disponível para o consumidor, na quantidade adequada e na hora certa. Nós somos a Neogrid. Uma empresa de soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management).

Compartilhar

Comente este artigo