[Infográfico] Fique um passo à frente na negociação com o varejo

Entre os grandes desafios dos gerentes de contas da indústria, responsáveis por atender os maiores varejos do Brasil, está a definição das melhores estratégias para o processo de compra e venda de produtos e, consequentemente, a negociação com o varejo.

Além das técnicas de persuasão, é necessário estar munido de informações relevantes sobre o mercado e o cliente para assim ter maiores chances de sucesso durante o processo de negociação. E quem trabalha com vendas sabe o quanto isso é difícil, não é mesmo?

Geralmente as informações chegam por diversos meios de comunicação, como planilhas, e-mails, telefone e até aplicativo de trocas de mensagens, por isso, o profissional precisa ter tempo de padronizar, averiguar, compilar e analisar todos os dados para estar preparado para uma reunião. O volume de dados disponível é tão grande que, muitas vezes, gera confusão a respeito da performance do cliente varejista e dificulta o fechamento da venda.

Dentro desse contexto, a tecnologia se torna uma grande parceira, porque permite que o profissional tenha acesso direto aos dados que realmente fazem diferença na hora da negociação. Se ele estiver acompanhando os indicadores do varejista pelas ferramentas automatizadas, poderá verificar se preço está fora da linha da concorrência, se o produto não vende, há problemas de estoque, entre outras reclamações que são comuns durante as transações.

Sendo assim, quem trabalha no segmento de varejo precisa apresentar muito mais do que boas técnicas de negociação e contar sempre com plataformas que favoreçam o fechamento das vendas.

Confira mais dicas no material que preparamos para você ficar um passo a frente na negociação com o varejo.

Autor
Somos especialistas em sincronizar sua empresa à demanda. Em manter seu produto sempre disponível para o consumidor, na quantidade adequada e na hora certa. Nós somos a Neogrid. Uma empresa de soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management).
Comente este artigo