Consumidores olhando televisão em loja

Recompra de estoque no segmento eletro: saiba como aprimorar essa estratégia

Em tempos de tecnologias cada vez mais avançadas e de mudanças significativas no comportamento do consumidor, que está elevando o nível de exigência, o mercado vem engatando um ritmo muito intenso de movimentações. E é no segmento de eletroeletrônicos que isso fica ainda mais forte. As empresas do setor, portanto, precisam adotar algumas práticas, entre elas a recompra de estoque, que é uma das mais comuns, mas que exige uma análise de dados para ser efetiva. E é sobre isso que vamos falar.

A recompra de estoque é o procedimento utilizado para adequar a estratégia. Acontece quando a empresa percebe uma movimentação dos concorrentes que pode impactar na venda de seus produtos no varejo. Então, ela entra em contato com o parceiro, recompra o estoque que havia vendido e revende em outras condições, de forma a minimizar os impactos do mercado.

Essa prática pode ser adotada, por exemplo, no caso de uma fabricante de televisão que vendeu ao varejo um lote de um novo produto. Passado um mês dessa transação, um dos principais concorrentes lança uma televisão parecida, mas com um componente a mais e o mesmo preço.

Se o preço é o mesmo e o produto e o concorrente tem uma função a mais, é bem possível que a televisão daquela empresa sofra uma queda nas vendas e comece a encalhar no estoque. Para amenizar esse problema, ela vai até o varejo, recompra o estoque e revende por um preço menor, fazendo com que esse item chegue mais barato ao consumidor, reduzindo o risco de ter um estoque abarrotado.

Baixe o Guia Completo sobre Cadeia de Suprimentos e entenda como otimizar sua gestão.

Como fazer a recompra de estoque de maneira assertiva

Bom, mas para que essa estratégia funcione, como mencionamos anteriormente, é necessária uma completa análise de dados. E isso inclui um acompanhamento preciso do mercado a partir de números sempre atualizados de vendas, preços, giro de estoque e outros indicadores. Somente assim será possível agir a tempo de realmente mitigar o risco de perda de vendas nos varejos.

Vamos pensar nisso no exemplo que citamos. Como a fabricante de televisão vai identificar os movimentos do mercado? Ela precisa ter acesso a dados diários de vendas para realmente ter dimensão do impacto do novo produto, ou seja, para saber se ele realmente será uma ameaça.

Para isso, uma opção mais prática e precisa é contar com uma ferramenta tecnológica, que monitora esses dados e entrega as informações. O seu trabalho é apenas acessar é, com base nesse material, fazer uma análise e tomar as atitudes necessárias.

De outra forma, isso teria que ser feito por meio de pesquisas e outras formas de apuração por amostragem, que, além de dar muito mais trabalho, não apresenta um resultado tão preciso. Por mais confiável que seja esse método, ele não conseguirá o nível de acerto de dados coletados diariamente nos varejos.

Entenda os movimentos do seu produto

Além de identificar as reações dos consumidores aos produtos de outras empresas, você também precisa entender como está a performance do seu item. A solução para isso é monitorar os itens nos varejos, obtendo dados de venda e estoque, além de outros indicadores, como estoque virtual e ruptura nas lojas.

Dessa forma, sua empresa terá um panorama mais claro da situação, tendo detalhes importantes da relação dos seus produtos com os lançamentos dos concorrentes.

É possível perceber, por exemplo, que não é o preço que está impactando, mas problemas de estoque virtual, pois a loja não está fazendo os lançamentos corretos das saídas de mercadoria. Ou o problema pode ser a venda, somado a esse outro fator.

Então, imagine que você recomprou o estoque, vendeu por um preço mais baixo e saída continua baixa. Somente depois de outras análises é que vai descobrir que existe uma falha operacional impactando nas vendas dos seus itens. Então, todas essas análises são complementares.

E esse monitoramento da performance do seu produto também podem ser automatizados, com informações de dados de estoque e vendas sendo enviadas diariamente em forma de dashboards que facilitam a leitura e análise das informações.

Ficou interessado em buscar apoio da tecnologia para melhorar as estratégias da sua empresa? Entre em contato com a Neogrid. Nós temos a solução de visibilidade do varejo que inclui os indicadores mais importantes, como a comparação dos seus resultados com o mercado. Converse com a gente e saiba o que temos a oferecer.

Autor
Somos especialistas em sincronizar sua empresa à demanda. Em manter seu produto sempre disponível para o consumidor, na quantidade adequada e na hora certa. Nós somos a Neogrid. Uma empresa de soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management).
Compartilhar
Comente este artigo