Saiba como a tecnologia apoia a gestão do varejo

As vendas no segmento varejista estão em crescimento, mas os resultados podem ser ainda maiores para quem investe em tecnologias para a gestão do varejo. Essas ferramentas são essenciais para o funcionamento da cadeia de suprimentos e garante ao negócio uma operação mais eficiente, planejada e de acordo com a demanda do consumidor.

Segundo o IBGE, mesmo com todos os obstáculos políticos e econômicos, o varejo ampliado — que inclui o comércio de veículos, peças e materiais de construção — teve um crescimento de 5,8% em novembro, comparado ao mesmo período no ano passado, e essa é a décima oitava taxa positiva consecutiva.

Para aproveitar os bons ventos e vender ainda mais, as empresas precisam estar preparadas e a tecnologia é uma grande aliada desses negócios. Saiba mais a seguir!

Como melhorar a  gestão do varejo?

Na gestão do varejo, além de administrar colaboradores, mix de produtos, marketing, vendas, finanças e estoque, por exemplo, o gestor deve se esforçar para manter uma relação de parceria com a indústria e os distribuidores. É essa colaboração que permite um aprimoramento da relação comercial e uma otimização dos processos de reposição, o que leva ao aumento das vendas e da satisfação do consumidor.

Nesse sentido, todas as decisões tomadas devem ter o foco nas necessidades do consumidor. Ele é o verdadeiro combustível para que a engrenagem funcione e isso depende de uma ação conjunta de toda a cadeia de suprimentos.

Então, o acesso a informações atualizadas e precisas de sell-out, estoque, consumo no ponto de venda e perfil do consumidor é essencial. Esses dados são fundamentais para uma atuação estratégica e focada nas dores e demandas do público-alvo.

Quais os principais desafios da gestão de varejo?

Por ser um conceito bastante amplo, falar em gestão do varejo traz à tona uma série de processos. Quem atua no setor sabe que a proximidade com o consumidor é uma vantagem interessante, mas traz grandes desafios. Confira!

Acesso à informação

Ter acesso direto aos resultados das estratégias aplicadas em seus pontos de vendas pode ser um desafio para o varejista, especialmente quando há muitas filiais para se administrar.  

Acompanhar de perto os resultados de uma promoção, por exemplo, é fundamental para planejar a reposição dos itens que tiveram um giro maior e evitar as rupturas.

Para que o varejista atue de maneira inteligente, ele precisa ter acesso a tudo o que está acontecendo. Ou seja, é necessário acompanhar dados sobre os produtos vendidos, a existência de rupturas e de excessos de estoque e informações sobre preço.

Essa é uma dificuldade relevante dentro da gestão de varejo e dificilmente é superada sem o apoio de um software de gestão moderno e eficiente.

Planejamento da reposição do estoque

O consumidor não pode chegar ao ponto de venda e ser surpreendido com a falta do produto desejado. Apesar disso, muitas empresas ainda sofrem com esse problema e acabam perdendo vendas.

A reposição do estoque é um ponto sensível da gestão do varejo e exige um acompanhamento preciso de tudo o que está sendo vendido. O uso de dados coletados por um sistema e a interação com a indústria são alguns fatores que fazem a diferença para o sucesso da empresa.

Número elevado de SKUs

O grande número de SKUs pode dificultar ainda mais o cotidiano dos gestores do varejo. Isso porque, garantir que tudo esteja organizado dentro do estoque, nas gôndolas e no próprio sistema de gestão é uma tarefa complexa.

A premissa é simples: quanto maior a variedade de SKU, mais difícil será gerir todos os produtos, já que eles podem demandar cuidados diferentes durante o armazenamento e o transporte.

Integração com fornecedores e distribuidores

Outro desafio considerável no dia a dia de um negócio varejista é a integração com fornecedores e distribuidores. Como a empresa tem diversos parceiros, a comunicação precisa ser eficiente e facilitar a sua operação.

É fundamental que o varejo repasse informações de consumo aos fornecedores e que consiga repor seus estoques em um ritmo adequado às necessidades de seu público. Para isso, é importante contar com o auxílio de tecnologia.

Veja quais soluções da Neogrid apoiam a gestão do varejo

A Neogrid é a empresa que mais tem acesso a informações sobre o varejo. Por meio da nossa base de dados, entregamos aos gestores informações que ajudam a cadeia de suprimentos a funcionar de maneira integrada e produtiva.

Conheça alguns dos nossos softwares para gestão de varejo e veja como elas podem ajudá-lo a superar os desafios apresentados!

RI Varejo

As soluções de visibilidade para o varejo da Neogrid a empresa a gerenciar melhor fornecedores, centros de distribuição, lojas, categorias e produtos, além de permitir a comparação com o mercado.

BI Varejo

Essa solução apresentar as informações gerenciais organizadas a partir de dashboards e filtros. É possível ver, por exemplo, índices de estoque virtual, ruptura e desempenho de venda.

Benchmark

O Benchmark Varejo enviar dados diários da concorrência e permite comparações de desempenho de produtos e categorias por manufaturas, regiões, períodos e bandeiras. Além disso, a solução também podem ser feitas análises internas, comparando dados de vendas de diferentes marcas e mensurando os desempenhos.

OSA

O OSA oferece ao varejo indicadores de disponibilidade dos itens em gôndola e também as causas das faltas dos produtos. Dessa forma, é possível identificar problemas e mensurar os impactos, como os números de perda de vendas.

Planilha PDV

Essa solução fornece informações de vendas e estoque, apresentando indicadores de ruptura, estoque virtual, vendas e perda de vendas.

E-commerce Insights

O E-commerce Insight Powered é a solução  que ajuda o varejo a ter sempre informações corretas dos produtos. Por meio dela, a indústria disponibiliza os dados completos dos itens, que podem ser baixados e disponibilizados na página do e-commerce.  

DRP – Planejamento e Distribuição

O DRP – Planejamento e Distribuição auxilia o gestor a superar alguns dos maiores desafios do varejo: o aumento do giro de estoque e a redução das rupturas. Isso acontece porque a ferramenta utiliza dados reais de consumo para otimizar o reabastecimento da cadeia interna, entre o centro de distribuição e as lojas. .

EDI – Integração de Documentos

O EDI – Integração de Documentos é uma solução indispensável para o varejista, pois realiza a troca automatizada de  documentos financeiros, mercantis e de transporte com os parceiros que integram a sua cadeia de suprimentos. Assim, a empresa evita ligações, e-mails e reduz erros nos processos.

Agendamento de Docas

Outro problema da gestão do varejo que a Neogrid ajuda a resolver é o recebimento de mercadorias. Com muitos fornecedores para gerenciar, fazer o controle por meio de planilhas, ligações e e-mails pode tornar o processo mais complicado, gerando filas, excessos ou falta de produtos. Nossa solução oferece um ambiente colaborativo disponível na web e totalmente integrado com o seu ERP, permitindo um agendamento mais controlado.

Fiscal

O Fiscal Neogrid integra fornecedores, empresas, clientes e governo, oferecendo os serviços de NFe, CTe, MDFe e NFSe. A empresa tem garantia do recebimento dos documentos fiscais por meio da captura diretamente da SEFAZ.

Auditor NF-e

Essa solução avalia a existência de incoerências tributárias nas notas fiscais de entrada e de saída, além de sugerir a escrituração do ponto de vista da operação.

Investir em um software para gestão de varejo é uma estratégia vital para qualquer empresa que atua nesse segmento. Conforme visto, alcançar um bom volume de vendas e, consequentemente, uma rentabilidade estável depende de uma atuação integrada do varejo, distribuidores e indústria e, claro, do apoio da tecnologia.Quer desfrutar de todos os benefícios que a tecnologia e a análise de dados podem fornecer à sua empresa? Entre em contato agora mesmo com a Neogrid!

Autor
Somos especialistas em sincronizar sua empresa à demanda. Em manter seu produto sempre disponível para o consumidor, na quantidade adequada e na hora certa. Nós somos a Neogrid. Uma empresa de soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management).
Compartilhar
Comente este artigo