Sucesso no gerenciamento de estoques requer visibilidade, controle e alinhamento de esforços

Segundo o Gartner, líder em pesquisas e consultoria de tecnologia da informação e supply chain, no mundo, obter sucesso na gestão de estoques é o resultado da orquestração de um equilíbrio entre a oferta, a demanda e as redes de produtos. Uma pesquisa fornece introspecções sobre as necessidades mais importantes que permitem aos líderes da cadeia de suprimentos, alcançar o balanceamento eficiente dos estoques.

1. Alguns números

Estoques representam 80% ou mais do capital de giro líquido na maioria das indústrias, de acordo com o Gartner. Para muitos varejistas, valor do estoque excede o capital de giro líquido, devido ao déficit nas contas a receber. Por consequência, o giro de estoques é um indicador chave de operações aos olhos dos analistas financeiros. Em uma pesquisa Gartner em 2012 com 56 empresas, 20% das empresas respondentes caracterizaram estoques como um inventário de ativos de curto prazo que poderiam ajustar para o aumento do fluxo de caixa.

2. Principais desafios

• As expectativas da gerência e dos investidores para terem um fluxo de caixa alto e capital de giro eficiente, restringe a quantidade de estoques que as organizações podem usar para otimizar a operação da cadeia de suprimentos e os níveis de serviço ao cliente.
• O crescimento global do mercado, os comportamentos de compra dos consumidores e a incerteza financeira têm alterado os padrões históricos da demanda e aumentaram a volatilidade.
• A inovação aumentou a complexidade dos portfólios de produtos, acionando mais volatilidade da demanda e um maior mix de produtos, aumentando os padrões exigidos de estoques.

3. Recomendações

É recomendado aos líderes de Supply Chain, que:

• Tenham visibilidade dos estoques suficiente para apoiar decisões operacionais e melhorar o gerenciamento de itens de baixa rotatividade e obsoletos.
• Estabeleçam controle sobre estoques por meio da implementação de processos e ferramentas que suportam as decisões da cadeia de suprimentos, incluindo reposição, de estoques, programação de produção e compromissos de matérias-primas.
• Alinhem os esforços de otimização de estoques com um roteiro de melhoria da cadeia de suprimentos, em paralelo com as etapas de maturidade da cadeia de valores orientada pela demanda (demand-driven value network-DDVN).

Autor

Somos especialistas em sincronizar sua empresa à demanda. Em manter seu produto sempre disponível para o consumidor, na quantidade adequada e na hora certa. Nós somos a Neogrid. Uma empresa de soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management).

Compartilhar

Comente este artigo